Projetos Financeiros

Aqui você encontra diversas possibilidades de crédito.

DICAS DE INVESTIMENTOInvestimentos

3 barreiras que impedem você de ganhar mais dinheiro

1. Não ter objetivos claros ou um “projeto financeiro”

Tudo na vida necessita de uma motivação, o que não poderia ser diferente quando o assunto é economizar. Para Ricardo, é necessário que cada um trace um projeto financeiro que caiba no próprio orçamento: “É necessário ter uma motivação para guardar dinheiro, seja pagar uma faculdade, uma viagem, um intercâmbio ou até mesmo ajudar os pais futuramente.” 

E as nossas metas devem ser colocadas acima de quase tudo  — o quase se refere às despesas básicas como moradia, água, luz, transporte e alimentação. O coach financeiro sugere que as pessoas passem a ter a ideia de que precisam “se pagar primeiro”, para então gastarem o que “sobrou” do salário e não agirem como a grande maioria, que faz justamente o inverso: gasta tudo e que pode e caso sobre alguma moedinha “pagam a si mesmas”. E completa: “Se você não sabe a razão para economizar, é muito fácil gastar.”]

2. Emoção não combina com cifrão

“Costumo dizer que, neste caso, estamos num ônibus em que todos os passageiros sentam no mesmo assento”, compara Ricardo para explicar que todos nós somos influenciados, em maior ou menor grau, pela ansiedade ou insegurança. Estas duas características tão recorrentes em praticamente todas as nossas decisões são capazes de minar qualquer oportunidade de economizar para começar ou melhorar algum investimento. 

Neste caso, as boas ideias são sempre minadas por pensamentos que giram em torno do medo da perda ou de dar um passo maior que a perna. Perguntar-se se vale à pena é fundamental para não meter os pés pelas mãos, mas deixar esta questão tomar conta de suas decisões é prejudicial. Afinal, dar passos importantes implicam riscos. “Para comer um omelete, você sempre precisará quebrar o ovo”, esclarece o coach.

No caso das ansiosas, é importante não deixar que a pressa e a impulsividade influenciem negativamente nos seus objetivos, se não todas as suas economias irão por água abaixo para satisfazer sonhos de consumo momentâneos.

3. Tomar “banhos de loja”

Somos ensinados desde pequenos a sempre consumir mais do que necessitamos, e caso você duvide desta informação, é só olhar ao redor e perceber quantas coisas das que você comprou nos últimos meses são realmente úteis, ou quantas vezes saiu com milhares de sacolas do shopping sem ter a mínima ideia de como faria para pagar tudo.

É completamente comum ter um comportamento impulsivo na hora de gastar dinheiro, afinal somos bombardeados diariamente por um número assustador de propagandas — sejam implícitas ou explícitas. “Na maioria das vezes, as pessoas compram por impulso para presentearem-se com uma recompensa emocional imediata, é o famoso preciso disso. Atitudes como esta estão completamente na contramão de valores muito estimados na hora de economizar, como a disciplina financeira”, explica Ricardo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *