Projetos Financeiros

Aqui você encontra diversas possibilidades de crédito.

Sem categoria

Como começar a investir?

Depois de entender melhor o que são investimentos e qual é o seu perfil, que tal começar a investir? Uma boa maneira de entrar nesse universo é fazer um levantamento de todos os aspectos da sua situação financeira atual: suas fontes de renda, suas dívidas e suas despesas fixas.

Assim, é possível saber o quanto você pode aplicar. E a boa notícia é que nem sempre é preciso de muito dinheiro para começar. Atualmente, existem diversas aplicações disponíveis no mercado e elas servem aos mais diferentes perfis de investidores. Confira, a seguir, algumas opções.

Tesouro Direto

Já pensou em emprestar dinheiro para o governo? Essa é a lógica por trás dos títulos públicos negociados no Tesouro Direto. Eles são emitidos pelo Estado para captar recursos e financiar atividades governamentais.

Quem os compra tem a promessa de receber o dinheiro de volta em um prazo determinado, acrescidos de juros e outras correções (como a inflação, por exemplo), que mudam de acordo com o papel escolhido.

A grande vantagem do Tesouro é sua segurança. Por ser financiado com recursos do Tesouro Nacional, as chances de que os títulos não sejam pagos são ínfimas, mesmo nas situações econômicas mais adversas. Por outro lado, esse tipo de investimento apresenta melhor desempenho em aplicações de médio e longo prazos.

Fundos de investimento

Fundos de investimento são uma espécie de união de recursos de diversos investidores. Quem investe neles tem seu dinheiro convertido em cotas. Os recursos depositados são, então, aplicados de acordo com uma estratégia e podem variar entre opções conservadoras (como renda fixa), ousadas (como ações) ou um misto delas.

É difícil determinar previamente a rentabilidade de um fundo de investimento, mas eles podem oferecer bons rendimentos. Contudo, eles costumam apresentar riscos maiores, além de custos mais elevados, já que é preciso arcar com diversas taxas e tributos.

Ações

As ações são as menores partes de uma empresa de capital aberto. Quem investe nelas passa a compartilhar os riscos da companhia e pode obter rendimentos a partir dos ganhos alcançados pelo eventual bom desempenho que ela apresentar.

Não existe um modo único de investir em ações. Mesmo assim, para negociar esses papéis, é preciso estar ciente dos riscos que eles apresentam, ter conhecimento do mercado e ter uma quantia razoável de dinheiro disponível. Apesar disso, elas podem apresentar excelentes rendimentos.

Para quem não tem a menor ideia de como identificar seu perfil e escolher um investimento adequado, uma boa dica é procurar uma consultoria de investimentos. Ela vai ajudá-lo a fazer um plano de investimentos personalizado.

Sabia que a Magnetis guia você na sua jornada rumo aos melhores investimentos? Faça uma simulação gratuita e descubra quais aplicações são mais recomendadas para você! Dê o primeiro passo para realizar seus objetivos financeiros hoje mesmo!

Agora que você entende mais sobre o que é investimento, que tal conhecer as opções de aplicações financeiras à sua disposição? Baixe grátis o nosso Guia Completo sobre os Tipos de Investimento e conheças as alternativas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *