Projetos Financeiros

Aqui você encontra diversas possibilidades de crédito.

BeneficiosBrasilContasDicasEducação FinanceiraEmpréstimoEmpréstimo Pessoal

É possível fazer financiamento de 100% de um carro?

Esclarecendo a pergunta, sim, é possível financiar um carro de maneira integral, o que permite que o comprador consiga com que o valor integral do veículo seja repartido em todas as parcelas.

As instituições que realizam esta operação, porém, são poucas. Isto porque, não dar nenhum valor de entrada, indica alto risco de inadimplência.

O alto risco de inadimplência fez com que o sistema bancário limitasse os financiamentos a uma entrada de pelo menos 20% do valor do bem. Exemplificando, se o valor do carro é de 60 mil reais, na maioria das vezes, é necessário dar a instituição no mínimo 12 mil reais.

Para ter mais chances de conseguir um financiamento integral, é indispensável que o cliente tenha um ótimo histórico e que a situação financeira esteja com estabilidade.

É importante destacar que, mesmo realizando um financiamento integral, isto é, não dando entrada, ainda é necessário realizar o pagamento das parcelas do carro, de acordo com o contrato feito.

É necessário, por exemplo, já ter no mínimo um ou mais veículos completamente quitados, além de ter renda comprovada de pelo menos três vezes a quantia da parcela. Existem ainda outros requisitos. Veja no próximo tópico.

Quais os requisitos para fazer um financiamento de 100% de um carro?

Para liberar um financiamento integral, a instituição analisa os seguintes fatores:

Nome limpo

É obrigatório ter o nome limpo, para que a instituição pense em conceder o financiamento integral do carro, portanto, ter o nome sujo faz com que a solicitação receba uma negativa instantaneamente.

Score

Quanto mais alta for a pontuação do score, maiores as chances de conseguir um financiamento integral, visto que o score qualifica o cliente como bom ou mau pagador. Um score baixo, por exemplo, indica que aquela pessoa não arca com suas dívidas.

Comprometimento de renda

Este, é outro fator levado em consideração. O valor das parcelas não pode exceder de maneira nenhuma, 30% da renda do cliente.

Comprovante de renda

Ao analisar o comprometimento de renda do cliente, a instituição financeira também solicita um comprovante de renda e faz uma análise sobre ele.

Financiar 100% de um carro vale a pena?

Este tipo de financiamento não é comum no mercado e alguns fatores devem ser levados em conta antes de solicitá-lo.

Ao financiar um carro em 100%, ocorre um aumento nas taxas de juros. Este aumento é necessário para minimizar os prejuízos que a instituição pode vir a ter com o alto risco de inadimplência da operação. Além disso, o valor das parcelas também sobe.

O prazo para a quitação deste tipo financiamento não é muito longo. Financiando o carro de modo integral, dificilmente é possível conseguir mais do que 36 parcelas.

Tendo isso em vista, é preciso analisar se mesmo com estes fatores o financiamento integral vale a pena naquele determinado momento. Se o cidadão concluir que sim, é importante pesquisar bastante antes de contratar, a fim de conseguir as menores taxas possíveis.

Quanto de score preciso para financiar um carro 100%?

Como dito anteriormente, a pontuação do score define se o cliente é um bom ou mau pagador, deste modo, entende-se que um score alto aumenta as chances de conseguir um financiamento de 100% do carro. Ainda assim, não há uma pontuação exata definida que automaticamente faça com a que instituição realize um financiamento integral.

Além do score, diversos outros fatores são analisados, portanto, não há como garantir que será possível conseguir um financiamento integral, nem tendo a pontuação do score em seu valor máximo.

Ressalta-se que um baixo score praticamente anula quaisquer chances de conseguir a realização desta operação.

Existem outras formas de conseguir um carro sem entrada?

Existem duas formas que são as mais comuns quando se trata de conseguir um carro sem entrada. Confira.

Consórcio

No consórcio, várias pessoas procuram por uma empresa, com autorização do Banco Central, a fim de ter um fundo de crédito. Mensalmente, é necessário que essas pessoas paguem uma quantia para o fundo. Todos aqueles que estão realizando os pagamentos em dia podem participar do sorteio mensal para receber a carta de crédito, que permite a compra do carro à vista, isto no prazo em que o contrato estiver válido. Há ainda, a possibilidade de fazer um lance, sendo que o valor mais alto do lance no determinado mês, também pode receber a carta de crédito.

Os sorteados precisam continuar realizando os pagamentos até a finalização do consórcio e finalizado o contrato, aqueles que não foram sorteados, também recebem uma carta de crédito no valor pago.

Leasing – Arrendamento Mercantil

O leasing é como se fosse um contrato de aluguel que permite a realização de compra no final do pagamento de todas as parcelas. Funciona da seguinte forma, a instituição financeira faz a compra do carro com o objetivo de revender e aluga-o a quem tem interesse, enquanto isso, o cliente vai pagando as parcelas (enquanto o contrato estiver válido) e no final, ele pode seguir três caminhos:

  • Renovar o aluguel do carro;
  • Realizar a compra do carro ou
  • Finalizar o contrato.

Enquanto o contrato está válido, o carro fica em nome da instituição financeira e só após a quitação de todas as parcelas ele passa ao nome do comprador.

Destaca-se que se houver o cancelamento do contrato ou o descumprimento de quaisquer cláusulas presentes no documento, pode ser necessário arcar com o pagamento de multas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *