Projetos Financeiros

Aqui você encontra diversas possibilidades de crédito.

Sem categoria

Inflação anual da zona do euro desacelera a 6,1% em maio

Eurostat confirmou suas estimativas anteriores de que os preços nos 20 países que usam o euro ficaram estáveis em maio na comparação com o mês anterior

A inflação ao consumidor da zona do euro desacelerou acentuadamente em maio, confirmou a agência de estatísticas da União Europeia nesta sexta-feira (16), com o núcleo dos preços também enfraquecendo.

A Eurostat confirmou suas estimativas anteriores de que os preços nos 20 países que usam o euro ficaram estáveis em maio na comparação com o mês anterior, resultando em um aumento de 6,1% na base anual, contra 7,0% em abril.

A contribuição dos preços de energia, por muito tempo a principal força motriz da inflação, foi negativa em maio em 0,09 ponto e o principal fator passou a ser o custo da alimentação, álcool e tabaco, que acrescentou 2,54 pontos ao valor final.

A segunda maior contribuição foi a alta dos preços dos serviços, com 2,15 pontos, enquanto os bens industriais somaram mais 1,51 ponto.

O Banco Central Europeu quer manter a inflação em 2% no médio prazo e tem aumentado rapidamente as taxas de juros desde meados do ano passado para conter a inflação.

O BCE elevou os juros novamente na quinta-feira (15), para um pico de 22 anos de 3,50%, e disse que voltará a subir em julho, dando continuidade ao que tem sido o ritmo mais rápido de aperto monetário na história do banco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *