Projetos Financeiros

Aqui você encontra diversas possibilidades de crédito.

Banco CentralBrasilCartão de CréditoCartão de débitoConta CorrenteConta DigitalContasDicasInternacionalNovidades

Qual é a Escolha Certa? Entenda as Vantagens e Desvantagens do Cartão de Crédito e do Cartão de Débito

Saiba a diferença entre um e outro

Embora a resposta possa parecer evidente à primeira vista, muitos indivíduos desconhecem a maneira precisa de defini-la. Especialmente com a chegada dos cartões virtuais, a distinção entre um cartão de crédito e um cartão de débito pode se tornar desafiadora. Familiarize-se com as discrepâncias e nunca mais cometa erros quando indagado sobre o assunto.

Quais são as disparidades entre um cartão de crédito e um cartão de débito?

À primeira vista, a distinção entre um cartão de crédito e um cartão de débito é clara. No entanto, inicialmente, é possível afirmar que ambos são mecanismos auxiliares na gestão de nossas finanças pessoais.

O que caracteriza um cartão de débito?

Se você fizer uma pesquisa em algumas plataformas, ficará surpreso ao descobrir que “débito” se refere a uma “obrigação financeira”. Essa informação pode gerar bastante confusão se todos utilizassem essa definição para compreender o produto financeiro.

Portanto, defina esse cartão como um instrumento de pagamento emitido por uma empresa prestadora de serviços, cuja utilização implica no uso imediato do saldo disponível na conta associada ao produto financeiro.

O que caracteriza um cartão de crédito?

Não há tantas dúvidas acerca do termo “crédito”, pois as primeiras definições encontradas para essa palavra se referem a uma “quantidade de dinheiro”. Em outras palavras, trata-se de um meio de pagamento em que a instituição “empresta” o valor para compras, sujeito a determinadas condições de reembolso.

Um equívoco comum no uso inadequado dos cartões de crédito é solicitar um empréstimo para financiar outro empréstimo. No entanto, se as diferenças entre débito e crédito, entre o seu próprio dinheiro economizado e o dinheiro que não é seu, estão claras para você, então poderá planejar suas finanças pessoais de forma mais eficiente.

Discrepâncias entre os diferentes tipos de cartões

próprios fundos, ou seja, o saldo em sua conta-corrente. Permite sacar dinheiro em caixas eletrônicos ou efetuar pagamentos. O valor das transações é deduzido automaticamente, e se não houver fundos suficientes, o pagamento será rejeitado.

A utilização do cartão ou saques em caixas eletrônicos do banco emissor não possui custo, ou taxa. No entanto, saques em caixas de outras instituições geralmente implicam em cobranças. Esse produto financeiro também possibilita transferências entre bancos e pagamento por serviços.

Cartão de crédito

Não envolve seus próprios fundos, o que significa que é necessário pagar uma fatura. O montante devido pode ser liquidado de acordo com as diversas opções de pagamento oferecidas pelas instituições, com ou sem juros.

Qual é a Escolha Certa? Entenda as Vantagens e Desvantagens do Cartão de Crédito e do Cartão de Débito

Saiba a diferença entre um e outro – Imagem: Canva

Permite a compra de bens ou serviços mesmo sem ter dinheiro imediatamente. Ao final do ciclo, é emitida uma fatura com os valores das compras realizadas. O usuário então efetua o pagamento e o limite é renovado.

O uso de cartões de crédito implica em custos. Embora existam opções sem anuidade, em geral, há taxas de adesão ou cobranças após 12 meses da abertura da linha de crédito.

Quando utilizar os cartões?

Além de compreender as diferenças conceituais entre eles, é importante saber quando utilizá-los. Veja abaixo.

Notícias Concursos
  • Home
  • Finanças
  • Qual é a Escolha Certa? Entenda as Vantagens e Desvantagens do Cartão de Crédito e do Cartão de Débito

Qual é a Escolha Certa? Entenda as Vantagens e Desvantagens do Cartão de Crédito e do Cartão de Débito

Saiba a diferença entre um e outro

Finanças

Por Renata Schmidt Em 04/06/2023 às 18:02

 Compartilhar

https://audio7.audima.co/iframe-later-thin-audima.html?skin=thin&statistic=true

Embora a resposta possa parecer evidente à primeira vista, muitos indivíduos desconhecem a maneira precisa de defini-la. Especialmente com a chegada dos cartões virtuais, a distinção entre um cartão de crédito e um cartão de débito pode se tornar desafiadora. Familiarize-se com as discrepâncias e nunca mais cometa erros quando indagado sobre o assunto.

Quais são as disparidades entre um cartão de crédito e um cartão de débito?

À primeira vista, a distinção entre um cartão de crédito e um cartão de débito é clara. No entanto, inicialmente, é possível afirmar que ambos são mecanismos auxiliares na gestão de nossas finanças pessoais.

O que caracteriza um cartão de débito?

Se você fizer uma pesquisa em algumas plataformas, ficará surpreso ao descobrir que “débito” se refere a uma “obrigação financeira”. Essa informação pode gerar bastante confusão se todos utilizassem essa definição para compreender o produto financeiro.

Portanto, defina esse cartão como um instrumento de pagamento emitido por uma empresa prestadora de serviços, cuja utilização implica no uso imediato do saldo disponível na conta associada ao produto financeiro.

O que caracteriza um cartão de crédito?

Não há tantas dúvidas acerca do termo “crédito”, pois as primeiras definições encontradas para essa palavra se referem a uma “quantidade de dinheiro”. Em outras palavras, trata-se de um meio de pagamento em que a instituição “empresta” o valor para compras, sujeito a determinadas condições de reembolso.PLAYVOLUME

00:18/01:06TRUVID

Leia mais

Um equívoco comum no uso inadequado dos cartões de crédito é solicitar um empréstimo para financiar outro empréstimo. No entanto, se as diferenças entre débito e crédito, entre o seu próprio dinheiro economizado e o dinheiro que não é seu, estão claras para você, então poderá planejar suas finanças pessoais de forma mais eficiente.

Discrepâncias entre os diferentes tipos de cartões

Você também pode gostar:

Cartão de Crédito Bahamas: A solução para quem precisa de crédito, independentemente do…

Desvendando as Estratégias dos Golpistas: Fique por Dentro das 4 Principais Táticas com…

Aqui estão algumas sugestões para aprimorar sua estratégia ao escolher entre crédito ou débito.

Cartão de débito

Representa seus próprios fundos, ou seja, o saldo em sua conta-corrente. Permite sacar dinheiro em caixas eletrônicos ou efetuar pagamentos. O valor das transações é deduzido automaticamente, e se não houver fundos suficientes, o pagamento será rejeitado.

A utilização do cartão ou saques em caixas eletrônicos do banco emissor não possui custo, ou taxa. No entanto, saques em caixas de outras instituições geralmente implicam em cobranças. Esse produto financeiro também possibilita transferências entre bancos e pagamento por serviços.

Cartão de crédito

Não envolve seus próprios fundos, o que significa que é necessário pagar uma fatura. O montante devido pode ser liquidado de acordo com as diversas opções de pagamento oferecidas pelas instituições, com ou sem juros.

Qual é a Escolha Certa? Entenda as Vantagens e Desvantagens do Cartão de Crédito e do Cartão de Débito

Saiba a diferença entre um e outro – Imagem: Canva

Permite a compra de bens ou serviços mesmo sem ter dinheiro imediatamente. Ao final do ciclo, é emitida uma fatura com os valores das compras realizadas. O usuário então efetua o pagamento e o limite é renovado.

O uso de cartões de crédito implica em custos. Embora existam opções sem anuidade, em geral, há taxas de adesão ou cobranças após 12 meses da abertura da linha de crédito.

Quando utilizar os cartões?

Além de compreender as diferenças conceituais entre eles, é importante saber quando utilizá-los. Veja abaixo.

Cartão de débito

Recomenda-se utilizar para o pagamento de despesas diárias, como gasolina, alimentação e atividades de lazer. Assim, terá um maior controle dos gastos correntes e compará-los com as receitas.

Não deve ser utilizado para a compra de móveis, viagens ou equipamentos de informática, ou seja, bens de longo prazo. Como não se trata de um dinheiro que retorna, o uso excessivo pode comprometer a liquidez e reduzir a economia.

Não é aconselhável utilizar esse tipo de cartão para emergências, principalmente porque não é possível gastar mais do que se tem disponível. Portanto, muitas dessas situações imprevistas podem ultrapassar o valor presente na conta.

No entanto, diante de uma circunstância desse tipo, é importante avaliar a capacidade de pagamento a longo prazo antes de decidir quanto dinheiro será retirado da poupança. Assim, é possível decidir em conjunto o valor a ser financiado com crédito.

Cartão de crédito

Existem opções de cartões de crédito desenvolvidas para atender às necessidades específicas de cada usuário. Eles proporcionam ofertas promocionais que podem ser utilizadas como ferramentas para planejar os gastos de acordo com sua estratégia financeira pessoal. Por exemplo, alguns cartões permitem acumular pontos para resgatar outros produtos.

Não é aconselhável realizar compras mensais e dividi-las em muitas parcelas, especialmente se os produtos adquiridos forem perecíveis. No entanto, para a compra de um computador, por exemplo, que terá seu custo amortizado ao longo do tempo, principalmente se for utilizado para trabalho, é uma opção interessante pagar com crédito.

Os cartões de crédito também podem ser uma ferramenta de financiamento em casos de emergência. Isso é válido, sobretudo, se for possível administrar o crédito de acordo com a capacidade de pagamento a longo prazo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *