Projetos Financeiros

Aqui você encontra diversas possibilidades de crédito.

DICAS DE INVESTIMENTOInvestimentos

Vale a pena investir na Bolsa de Valores com pouco dinheiro?

 A Bolsa de Valores é um mercado bastante democrático. Isso porque você pode comprar uma única ação no mercado fracionário com alguns poucos reais.

Mas como há custos para operar, mesmo que sejam baratos, comprar uma pequena quantia de ação pode não compensar.

A não ser que você tenha um plano de investimento na Bolsa de Valores de longo prazo e faça compras regulares a fim de montar uma carteira de ações.

Por isso, é importante contar com uma corretora que ofereça conteúdo educacional e especialistas para te orientar na hora de investir. Assim, vale a pena investir em ações.

Uma alternativa para ter acesso ao mercado de ação são os fundos de investimentos.

Há os fundos em ações em que você pode comprar cotas e assim ter um portfólio de ativos selecionados e geridos por profissionais capacitados.

Quais os riscos de investir na Bolsa de Valores?

Quem quer dar seus primeiros passos pelo mundo dos investimentos precisa entender logo de início que não existe aplicação totalmente isenta de riscos.

O que existe são opções mais ou menos seguras, o que costuma ser inversamente proporcional à rentabilidade.

No caso das ações, por exemplo, os ganhos podem ser bem maiores do que em aplicações de renda fixa. Porém, o investidor também se sujeita a riscos mais altos.

Por isso, é importante seguir as dicas que a gente deu lá no início, mas que não custa relembrar: respeitar seu perfil de investidor e buscar conhecimento.

Ainda assim, é preciso dizer que esse é um investimento de renda variável, o que significa que sua rentabilidade não é garantida e que pode tanto perder quanto ganhar dinheiro.

Isso porque o preço das ações e o valor das empresas variam diariamente – e até algumas vezes ao dia – de acordo com o cenário econômico do país e do mundo.

Comprar e vender ações sem um objetivo e sem planejamento são comportamentos que sabotam o seu próprio patrimônio e favorecem os riscos que mencionamos.

Então, se não há como eliminá-los totalmente, cabe ao investidor agir com inteligência e conhecimento nesse mercado.

Os diferentes perfis de investidores na Bolsa de Valores

No mercado de investimentos, há três perfis de investidores: conservador, moderado e agressivo ou arrojado.

Apesar de o mercado de ações ser considerado de risco, devido às oscilações e por não dar garantia de ganhos antecipadamente, é possível ter um comportamento conservador nessa modalidade.

Confira detalhes sobre os três perfis:

Perfil Conservador

Esse tipo de investidor não costuma acompanhar o dia a dia da Bolsa.

Seu objetivo é de longo prazo e ele investe em ações de empresas sólidas, com bons fundametos.

Análise Fundamentalista é utilizada para decidir pelos ativos ou segue recomendação de uma carteira de ativos.

Moderado 

O investidor moderado equilibra risco e rendimento com diversificação de ativos de renda fixa e variável.

Busca retorno de médio e longo prazo, mas pode realizar operações em ações no curto prazo, caso encontre boas oportunidades.

Agressivo ou Arrojado

Possui conhecimento do mercado e aceita correr mais riscos em busca de maiores rentabilidades.

Busca retorno no curto prazo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *